ProZ.com global directory of translation services
 The translation workplace
Ideas

 
Pages in topic:   < [1 2 3 4] >
User
Thread poster: Gabriela Frazao
Português de Portugal e do Brasil

Ligia Dias Costa  Identity Verified
Portugal
Local time: 22:20
Member (2008)
English to Portuguese
+ ...
BR ou Eur PT no Kudoz Mar 26, 2002

Provavelmente a minha opinião é redundante, porque quase tudo já foi dito sobre este tema. No entanto, gostaria de deixar aqui uma nota: mesmo nas questões levantadas no KudoZ, dava muito jeito saber para \"qual português\" se pretende a tradução. Às vezes, todos respondemos certo, mas de forma completamente diferente...
[addsig]


Direct link Reply with quote
 

Daniel Marcus
United Kingdom
Local time: 22:20
Portuguese to English
Enjoy the difference Apr 24, 2002

As I see it, the problem lies with contributors and peer graders. I\'ve seen many \'disagree\' peer grades, saying things like \'Don\'t give me that Brazilian rubbish\' or \'that may be right in Portugal...\' and other such potentially offensive remarks. I\'m from England. Can you imagine how it would sound if I made similarly derogatory comments about American English? Imagine the accusations!! If the asker does not specify, just make your contribution in good faith. If it turns out that the person wanted a different form of Portuguese then so be it. You\'ve lost a couple of points and a couple of minutes. You\'ve also contributed to a rich and enriching debate. Personally, as a Pt to En translator and a keen student of the Portuguese language, I love seeing these different forms. Provided the debate remains calm and good-natured I say no to separation.

Direct link Reply with quote
 

Gabriela Frazao  Identity Verified
Portugal
Local time: 22:20
Member (2002)
English to Portuguese
+ ...
TOPIC STARTER
Talvez não seja bem assim! May 20, 2002

Há já alguns anos que ando pelo Proz e confesso que ainda não vi a agressão a que se refere. De resto, a indicação das línguas em separado seria útil a todos - membros e clientes, e não invalidaria que todos tivessem acesso às opções/consultas/sugestões que muito bem entendessem.

De resto, o Aquarius e outros sites da mesma categoria, já passaram a indicar: português de Portugal, inglês dos EUA, espanhol, etc.

Dê uma volta por lá e tire as suas próprias ilações

Muito obrigada pela sua contribuição.

Cumprimentos

Gabriela Frazão



Quote:


On 2002-04-24 12:33, dancity wrote:

As I see it, the problem lies with contributors and peer graders. I\'ve seen many \'disagree\' peer grades, saying things like \'Don\'t give me that Brazilian rubbish\' or \'that may be right in Portugal...\' and other such potentially offensive remarks. I\'m from England. Can you imagine how it would sound if I made similarly derogatory comments about American English? Imagine the accusations!! If the asker does not specify, just make your contribution in good faith. If it turns out that the person wanted a different form of Portuguese then so be it. You\'ve lost a couple of points and a couple of minutes. You\'ve also contributed to a rich and enriching debate. Personally, as a Pt to En translator and a keen student of the Portuguese language, I love seeing these different forms. Provided the debate remains calm and good-natured I say no to separation.



Direct link Reply with quote
 

Rony Salles
Local time: 20:20
English to Portuguese
+ ...
As diferenças May 11, 2010


Adriana Caraccio Morgan, Dip Trans IOL wrote:

Oi, Gabriela, concordo com você. É frustrante muitas vezes entrar em contato com um possível cliente e o Português desejado ser o Português Europeu, e não o Brasileiro - ou vice e versa.



Tudo de bom,

Adriana

Santos - SP - Brasil





Olá pessoal,

Eu sei que há bastante diferença entre o Português brasileiro e o europeu. Mas não sei se essas diferenças são muitas em relação aos seguintes aspectos:

Sintaxe: voz passiva, crase, regência, concordância etc.

Se alguém puder me explicar um pouco sobre isso, ficarei muito grato. Em que pontos eu devo tomar cuidado em relação ao uso de comparações dessas duas vertentes lingüísticas?

Desde já agradeço

Rony


Direct link Reply with quote
 

Carla Guerreiro  Identity Verified
France
Local time: 23:20
French to Portuguese
+ ...
Especificações no Kudoz sim, fóruns diferentes não! May 12, 2010

Bom dia a todos,

Pela parte que me toca, acho bem a especificação da variante (pt ou br) nos Kudoz, pois isso ajuda-nos a poupar tempo e a evitar mal-entendidos, mas discordo da ideia da criação de fóruns diferentes.

Sinceramente, acho que podemos aprender imenso uns com os outros, brasileiros e portugueses, e não gosto nada de certas manifestações de anti-brasileirismo, que parecem "estar na moda". Sinceramente, há tradutores portugueses que se sentem incomodados com a presença de tradutores brasileiros?? Tenham dó!!


Direct link Reply with quote
 

Carla Guerreiro  Identity Verified
France
Local time: 23:20
French to Portuguese
+ ...
Celso Cunha e Lindley Cintra May 12, 2010


ronysalles wrote:

Olá pessoal,

Eu sei que há bastante diferença entre o Português brasileiro e o europeu. Mas não sei se essas diferenças são muitas em relação aos seguintes aspectos:

Sintaxe: voz passiva, crase, regência, concordância etc.

Se alguém puder me explicar um pouco sobre isso, ficarei muito grato. Em que pontos eu devo tomar cuidado em relação ao uso de comparações dessas duas vertentes lingüísticas?

Desde já agradeço

Rony


A "Gramática da Língua Portuguesa" de Celso Cunha e Lindley Cintra explica muito bem essas diferenças.


Direct link Reply with quote
 

José Henrique Lamensdorf  Identity Verified
Brazil
Local time: 20:20
Member (2007)
English to Portuguese
+ ...
Correto! May 12, 2010


Carla Guerreiro wrote:

Pela parte que me toca, acho bem a especificação da variante (pt ou br) nos Kudoz, pois isso ajuda-nos a poupar tempo e a evitar mal-entendidos, mas discordo da ideia da criação de fóruns diferentes.

Sinceramente, acho que podemos aprender imenso uns com os outros, brasileiros e portugueses, e não gosto nada de certas manifestações de anti-brasileirismo, que parecem "estar na moda". Sinceramente, há tradutores portugueses que se sentem incomodados com a presença de tradutores brasileiros?? Tenham dó!!


Temos um problema singular: pelas constituições brasileira e portuguesa, nossa língua é uma só. Os dicionários brasileiros mencionam as palavras de uso exclusivamente lusitano. Não sei, nunca vi um dicionário de Portugal.

De qualquer modo, ninguém tem base para dizer que um termo ou outro é usado "exclusivamente" no Brasil ou em Portugal, se a língua é uma só.

Por exemplo, vejam em http://pt.wikipedia.org/wiki/Tangerina quantos nomes são usados para a mesma fruta dentro do Brasil.

Então pode-se presumir que se deve dar preferência ao vocabulário local, porém na falta de um termo BR ou PT, é melhor um usá-lo do "outro" português do que criar um neologismo ou apelar para um barbarismo que não seja usual.

Contudo creio que cabe a nós, tradutores, ao responder a uma pergunta no Kudoz, esclarecer se é um termo PT ou BR, mesmo que a pessoa que perguntou seja da mesma variante do português. Não se deve esquecer que outros virão consultar isso depois.


Direct link Reply with quote
 

Paul Dixon  Identity Verified
Brazil
Local time: 20:20
Member (2009)
Portuguese to English
+ ...
Opinião e Diferenças May 12, 2010

A proposta aqui feita é bastante interessante, pois há diferenças significativas entre o idioma falado nas terras tupiniquins e nas terras de Camões.

Acho até que seria interessante incluir a região, como por examplo PT-BR (RJ) ou PT-PT (Trás-os-Montes) pois há diferenças até mesmo entre regiões, como por exemplo o uso de "guri" (RS) e "piá" (PR).

Em relação às diferenças entre PT-BR e PT-PT, há um site interessante:

http://www.alzirazulmira.com/diferencas.htm

Já em relação a regiões, há, por exemplo, um dicionário de porto-alegrês (FISCHER, L.A. - Dicionário de Porto-Alegrês, L&PM, 2007), um de piracicabês e um de baianês. Algumas expressões são bem interessantes, como o mineiríssimo "tem um trem nu meuzói" ( = nos meus olhos) ou os portoalegreses "fica flai" (acalme-se, derivado do inglês "to fly") e "concordino" (alguém que sempre concorda, algo como o "yes-man" em inglês).


Direct link Reply with quote
 

Carla Guerreiro  Identity Verified
France
Local time: 23:20
French to Portuguese
+ ...
Muito interessante! May 12, 2010


Paul Dixon wrote:

Já em relação a regiões, há, por exemplo, um dicionário de porto-alegrês (FISCHER, L.A. - Dicionário de Porto-Alegrês, L&PM, 2007), um de piracicabês e um de baianês. Algumas expressões são bem interessantes, como o mineiríssimo "tem um trem nu meuzói" ( = nos meus olhos) ou os portoalegreses "fica flai" (acalme-se, derivado do inglês "to fly") e "concordino" (alguém que sempre concorda, algo como o "yes-man" em inglês).


Muito interessante, o seu comentário! E muito divertidas, as diferentes expressões regionais brasileiras! Por acaso, conhecia a expressão "tem um trem", pois tenho alguns amigos brasileiros de Minas Gerais. Agora essas expressões "fica fly" e "concordino", não conhecia de todo!

Penso que em Portugal, tal como no Brasil, deve haver dicionários dos diferentes regionalismos. Em Portugal, há imensas palavras diferentes conforme as regiões e -naturalmente - os portugueses nem sempre se entendem... Só para dar um exemplo: a minha mãe vem da região Oeste(Leiria, Alcobaça, Fátima, Caldas da Rainha), um pouco a Norte de Lisboa, e o meu pai vem do Alentejo (bem no Sul). Às vezes, eles começam a comparar a maneira de falar das suas regiões respectivas e ficam surpreendidos com a quantidade de nomes diferentes que se dão a um determinado objecto. É um fartote (palavra bem portuguesa, que significa que é de morrer a rir)!


Direct link Reply with quote
 

Paula Borges  Identity Verified
Brazil
Local time: 20:20
Member (2010)
English to Portuguese
+ ...
Concordo May 12, 2010


Carla Guerreiro wrote:

Bom dia a todos,

Pela parte que me toca, acho bem a especificação da variante (pt ou br) nos Kudoz, pois isso ajuda-nos a poupar tempo e a evitar mal-entendidos, mas discordo da ideia da criação de fóruns diferentes.

Sinceramente, acho que podemos aprender imenso uns com os outros, brasileiros e portugueses, e não gosto nada de certas manifestações de anti-brasileirismo, que parecem "estar na moda". Sinceramente, há tradutores portugueses que se sentem incomodados com a presença de tradutores brasileiros?? Tenham dó!!


Concordo plenamente. Os falantes da língua portuguesa devem se unir para fortalecer a língua como um todo. É importante esta interação, devemos continuar insistindo.

Infelizmente, existem preconceitos infundados, mas acho que nenhum profissional sério se dá a este tipo de manifestação.


Direct link Reply with quote
 

Paula Borges  Identity Verified
Brazil
Local time: 20:20
Member (2010)
English to Portuguese
+ ...
Kudoz Jun 17, 2010


Carla Guerreiro wrote:

Bom dia a todos,

Pela parte que me toca, acho bem a especificação da variante (pt ou br) nos Kudoz, pois isso ajuda-nos a poupar tempo e a evitar mal-entendidos, mas discordo da ideia da criação de fóruns diferentes.

Sinceramente, acho que podemos aprender imenso uns com os outros, brasileiros e portugueses, e não gosto nada de certas manifestações de anti-brasileirismo, que parecem "estar na moda". Sinceramente, há tradutores portugueses que se sentem incomodados com a presença de tradutores brasileiros?? Tenham dó!!


A maior parte das perguntas que tenho visto ultimamente especificam (PT ou PT-BR), isto não impede que todos respondam, é claro, mas seria útil especificar também na resposta.

Até recentemente não havia visto uma manisfestação deste tipo, afinal, acredito que todo tradutor é fascinado por aprender coisas novas, mas tem tido aqui e acolá alguma discussão sobre como a forma brasileira é: incorreta, impossível, inferior. Discutir com falantes nativos que a forma que eles falam é incorreta? Melhor ignorar.


Direct link Reply with quote
 

José Henrique Lamensdorf  Identity Verified
Brazil
Local time: 20:20
Member (2007)
English to Portuguese
+ ...
O principal é que NÓS (lusófonos) sabemos que há essa diferença Jun 17, 2010

Não sei se há algum outro idioma que enfrente a mesma questão: uma mesma língua de origem se transforma em duas quando é a de destino.

Acho que os estrangeiros não entendem, e mesmo quando entendem, não acreditam (especialmente a nossa diferença de lógica).

Como NÓS sabemos, sempre vamos nos empenhar em destacar a qual das variantes estamos nos referindo.


Direct link Reply with quote
 

Carla Guerreiro  Identity Verified
France
Local time: 23:20
French to Portuguese
+ ...
Diferenças entre variantes Jun 17, 2010


José Henrique Lamensdorf wrote:

Não sei se há algum outro idioma que enfrente a mesma questão: uma mesma língua de origem se transforma em duas quando é a de destino.

Acho que os estrangeiros não entendem, e mesmo quando entendem, não acreditam (especialmente a nossa diferença de lógica).

Como NÓS sabemos, sempre vamos nos empenhar em destacar a qual das variantes estamos nos referindo.


Caro José Henrique,

Essas diferenças existem no caso do inglês, devido às variantes de inglês britânico e americano (Já sem falar eventualmente nas diferenças com o inglês falado na Austrália, na Nova Zelândia, etc)) e no caso do francês (francês de França, da Bélgica, da Suíça ou do Canadá).


Direct link Reply with quote
 

Paula Borges  Identity Verified
Brazil
Local time: 20:20
Member (2010)
English to Portuguese
+ ...
Claro! Jun 17, 2010


José Henrique Lamensdorf wrote:

Não sei se há algum outro idioma que enfrente a mesma questão: uma mesma língua de origem se transforma em duas quando é a de destino.

Acho que os estrangeiros não entendem, e mesmo quando entendem, não acreditam (especialmente a nossa diferença de lógica).

Como NÓS sabemos, sempre vamos nos empenhar em destacar a qual das variantes estamos nos referindo.


Carla - Existem diferenças no inglês, sim, e normalmente são explicitadas pelos clientes. Mas apesar de tudo, estão longe de serem tão significativas quanto a diferença entre o Português Europeu e Brasileiro. Não posso opinar sobre o francês.

Acho que o José Henrique se refere aos clientes não saberem que há uma diferença entre o Português e Brasileiro. Principalmente quando trabalhei na Europa (ou com agências européias), parecem não entender que é preciso especificar o público de destino, ou que as diferenças são tão significativas.

E as várias vezes que já ouvi clientes europeus dizendo: "Vamos enviar o documento para o Brasil. Mas preferimos o português europeu", com aquele sentido explícito "achamos que deve ser melhor", ou "é o que usamos por definição". O que não entendem é que embora um britânico entenda (quase) perfeitamente um texto escrito por um americano e vice-versa, um brasileiro comum sofre bastante (na maioria das vezes) para entender um texto em português europeu e margem para interpretações erradas é enorme.









[Edited at 2010-06-17 14:30 GMT]


Direct link Reply with quote
 

Maria Amorim  Identity Verified
Sweden
Local time: 23:20
Member (2007)
Swedish to Portuguese
+ ...
Alguns tardios pensamentos Aug 4, 2010

Eu não li todos os textos para ver a opinião dos colegas. Como portuguesa, crescida e educada no Brasil, e vivendo na Suécia há alguns anos, não posso deixar de reconhecer as inúmeras diferenças que distanciam a linguagem do português do Brasil e de Portugal. As razões são também inúmeras não só na estrutura histórica que originou a Terra Brasilis, como na lógica, e na dinâmica linguística. Para não falar dos países luso-africanos.

A meu ver, e eu não sou linguista, mas simplesmente uma engenheira química de formação, a língua portuguesa falada em Portugal segue uma lógica distinta da língua portuguesa do Brasil. O ditado “Para bom entendedor meia palavra basta” aplica-se à logica “brasileira” e não à logica portuguesa, barroca, redundante, etc. Razão pela qual , nós portugueses enviados ao Brasil por obra e graça de Salazar, que poucos, felizmente, imagino conheceram, fomos motivo de chacota; a lógica é outra. Nós, portugueses, somos os burros , porque não conseguimos com a obviedade necessária expressarmo-nos adequadamente. Portanto, não pensem, os colegas portugueses que lhes cabe a razão. Depende da ótica, do ponto de vista, tudo é relativo, como já deveríamos saber... desde Einstein.

E nessa relatividade, ainda que hoje se faça necessário diferenciar entre Português PT e Português BR, devemos estar de olhos abertos para o futuro. Recuso-me a fortalecer uma diferenciação, no mínimo nefasta para Portugal e para a origem da língua portuguesa. Penso que nós como tradutores temos a responsabilidade de fortalecer uma língua e não de a separa-la. Há o bom e o mal português. Isso sim deveríamos diferenciar e cuidar. E este é um espaço para divulgar a língua e fortalecer a aproximação entre os diferentes países lusófonos. Penso que é essa a nossa responsabilidade, intercambiar as diferenças, mostrar, divulgar/discutir as origens das palavras, ao invés de encastelarmo-nos em fugazes razöes..

Do contrário, se não nos dermos conta, seremos coautores do filme do grande Manuel de Oliveira. Um navio naufragado. E esse navio metafórico, que ele não ousou denominar, é Portugal.

Temos de pensar um pouco mais além dos horizontes imediatos e de sobrevivência. Há uma só língua. E essa é a língua portuguesa.

Enquanto, isto, nas bibliotecas e livrarias suecas abundam livros em língua espanhola…e nenhum em língua portuguesa.


Direct link Reply with quote
 
Pages in topic:   < [1 2 3 4] >


To report site rules violations or get help, contact a site moderator:

Moderator(s) of this forum
Maria Castro[Call to this topic]
Fernanda Rocha[Call to this topic]
Nilton Junior[Call to this topic]

You can also contact site staff by submitting a support request »

Português de Portugal e do Brasil






SDL MultiTerm Extract 2014
Save time by automatically extracting terms. Save 15% on ProZ.com

SDL MultiTerm Extract 2014 allows you to automatically create candidate term lists from your existing documentation. This removes the manual effort involved with traditional terminology creation, allowing you to rapidly add terms to SDL MultiTerm.

More info »
Across Personal Edition – Free Full Version for Freelance Translators
Across is an integrated CAT tool, which means that you will find everything you need in one place.

Freelance translators receive a full version of Across Personal Edition, a single-workstation version of Across, for free. You are always working in one and the same environment, regardless of whether you create a new project or translate a document

More info »