Pages in topic:   [1 2] >
Deixar de pagar a segurança social
Thread poster: xxxncfialho
xxxncfialho  Identity Verified
Local time: 13:02
German to Portuguese
+ ...
Mar 23, 2006

olá,
o que acham que vai acontecer se uma pessoa deixa de pagar a segurança social?
Obrigada,
Natália


Direct link Reply with quote
 

Ivana de Sousa Santos  Identity Verified
Portugal
Local time: 13:02
French to Portuguese
+ ...
Olá Natália Mar 24, 2006

Para além de achar que é injusto o que temos de pagar à Seg.Social o não pagamento pode implicar:

- um processo em tribunal por não pagamento e o pagamento com juros acrescidos (1% por cada dia que passou de dívida... sei do que estou a falar pois paguei no mesmo dia quase 3 anos de dívida com juros desde o 1º dia - por culpa deles)

- não pagamento de reforma no futuro (apesar da miséria)

- suprimento de "regalias" (ah! ah! ah!... porque essas não são muitas) a nível de serviço nacional de saúde, subsídios de maternidade, por ex., etc.

Isto é o que ACHO que poderá acontecer, mas de acordo com a lei não sei.

Cumprimentos
Ivana


Direct link Reply with quote
 

Gabriela Frazao  Identity Verified
Portugal
Local time: 13:02
Member (2002)
English to Portuguese
+ ...
Uma resposta simples Mar 24, 2006

Olá

Se não pagarmos penhoram-nos qualquer coisa, e disso
não tenho dúvidas.

E como mecanismo de troca de informações de devedors aos fisco está quase em acção, o processo vai ser bastante rápido.

Um abraço
Gabriela


Direct link Reply with quote
 
xxxncfialho  Identity Verified
Local time: 13:02
German to Portuguese
+ ...
TOPIC STARTER
Avançar contra a seg social Mar 24, 2006

Bem, eu nao quero nada deles, pelo dinheiro (e nao é pouco) que pago todos os meses, podia comprar um T0....apetece-me juntar-me com outras pessoas e avançar numaprocesso contra a segurança social para ver se isto está tudo legal....
Alguém quer se juntar?
Bjs,
Natália


Direct link Reply with quote
 

Ivana de Sousa Santos  Identity Verified
Portugal
Local time: 13:02
French to Portuguese
+ ...
Eu! Mar 24, 2006

Natália,

Se for para a frente e entro também. Já tive tantos problemas com eles. E acho este aumento do valor mensal uma injustiça pois aumentaram-nos o valor em 50%, mas a nível de regalias nada aumentou. Além disso, as taxas moderadoras aumentaram também, pelo que quando queremos uma consulta/urgência pelo SNS ainda pagamos mais.

Também tenho as minhas dúvidas se este aumento não será ilegal!

Acho os Portugueses muito conformistas com a situação. Faz-se o que se quer e bem apetece neste país e os Portugueses reclamam, reclamam mas não agem.

Eu estou por tudo! Já lá deixei uma queixa no livro amarelo de 11 páginas (escritas com uma letra pequenina e apertadinha) e sempre que me sentir injustiçada fá-lo-ei, por isso se for para avançar com algo conte comigo.

Não tenho a ceteza é se o proz será o melhor local de conversa para este assunto pois acho que as "politiquices" são proibidas por aqui. Deixo esta opinião à Gabriela.

Ivana


Direct link Reply with quote
 
xxxncfialho  Identity Verified
Local time: 13:02
German to Portuguese
+ ...
TOPIC STARTER
Taxa 25,4% Mar 24, 2006

Ajudem-me sff, se a taxa contributiva é de 25,4% e o salário mínimo nacional é de 374,7 euros então o valor a contribuir será de 95€ e poucos cêntimos e não 142€ o que são quase 38%.....eu nao estou a perceber isto? Alguém percebe?
Obrigada,
Natália


Direct link Reply with quote
 
xxxncfialho  Identity Verified
Local time: 13:02
German to Portuguese
+ ...
TOPIC STARTER
Estava a brincar... Mar 24, 2006

olá ivana,
vontade não nos falta, mas somos obrigados a contribuir e assim será para sempre
bjs,
natália
Ivana de Sousa Santos wrote:

Natália,

Se for para a frente e entro também. Já tive tantos problemas com eles. E acho este aumento do valor mensal uma injustiça pois aumentaram-nos o valor em 50%, mas a nível de regalias nada aumentou. Além disso, as taxas moderadoras aumentaram também, pelo que quando queremos uma consulta/urgência pelo SNS ainda pagamos mais.

Também tenho as minhas dúvidas se este aumento não será ilegal!

Acho os Portugueses muito conformistas com a situação. Faz-se o que se quer e bem apetece neste país e os Portugueses reclamam, reclamam mas não agem.

Eu estou por tudo! Já lá deixei uma queixa no livro amarelo de 11 páginas (escritas com uma letra pequenina e apertadinha) e sempre que me sentir injustiçada fá-lo-ei, por isso se for para avançar com algo conte comigo.

Não tenho a ceteza é se o proz será o melhor local de conversa para este assunto pois acho que as "politiquices" são proibidas por aqui. Deixo esta opinião à Gabriela.

Ivana


Direct link Reply with quote
 

Gabriela Frazao  Identity Verified
Portugal
Local time: 13:02
Member (2002)
English to Portuguese
+ ...
Uma achega... Mar 24, 2006

Olá,
Por mero acaso, tive que ir à Segurança Social no dia em que a lei do aumento foi aprovada, e até o paguei logo.

Mais tarde, chegou-se à conclusão que só entrava em vigor em Outubro ... e ainda aguardo que me devolvam o que paguei a mais.

Na altura falei com um jornalista de um jornal de grande expansão e saiu um reportagem sobre o assunto.

A lei afecta os tradutores e todos aqueles que passam os chamados recibos verdes (que até são brancos, por sinal) - os trabalhadores independentes.

Como é evidente todos temos que descontar, mas a única omissão que encontro na lei é não contemplar casos de doença, falta de trabalho, ausências temporárias, etc.

Na altura coloquei estas dúvidas à funcionária da S.Social que me atendeu e resposta foi: "paga na mesma".

Será talvez face à injustiça (entre outras coisas) que a lei comete, que se possa fazer alguma coisa.

Como já recorri a uma linha azul de Segurança Social e funcionou na maravilha, sugiro que alguém contacte (eu neste momento estou a abarratoar) e tente indagar porque pode ser que entretanto alguma coisa tenha mudado.

Um abraço
Gabriela


Direct link Reply with quote
 

Gabriela Frazao  Identity Verified
Portugal
Local time: 13:02
Member (2002)
English to Portuguese
+ ...
Politiquices Mar 24, 2006

Não te preocupes, Ivana, não considero estas intervenções politiquices, mas sim desabafos de quem tem que lutar dia-a-dia para trabalhar e, muito principalmente, para arranjar trabalho.

Um abraço
Gabriela


Ivana de Sousa Santos wrote:

Natália,

Se for para a frente e entro também. Já tive tantos problemas com eles. E acho este aumento do valor mensal uma injustiça pois aumentaram-nos o valor em 50%, mas a nível de regalias nada aumentou. Além disso, as taxas moderadoras aumentaram também, pelo que quando queremos uma consulta/urgência pelo SNS ainda pagamos mais.

Também tenho as minhas dúvidas se este aumento não será ilegal!

Acho os Portugueses muito conformistas com a situação. Faz-se o que se quer e bem apetece neste país e os Portugueses reclamam, reclamam mas não agem.

Eu estou por tudo! Já lá deixei uma queixa no livro amarelo de 11 páginas (escritas com uma letra pequenina e apertadinha) e sempre que me sentir injustiçada fá-lo-ei, por isso se for para avançar com algo conte comigo.

Não tenho a ceteza é se o proz será o melhor local de conversa para este assunto pois acho que as "politiquices" são proibidas por aqui. Deixo esta opinião à Gabriela.

Ivana


Direct link Reply with quote
 
xxxncfialho  Identity Verified
Local time: 13:02
German to Portuguese
+ ...
TOPIC STARTER
Podes me indicar aonde.... Mar 24, 2006

Olá gabriel,
podes-me indicar aonde encontro a aprovação deste aumento? Houve uma alteração da taxa contribuitiva? Na página da segurança social está/continua escrito 25,4%.....

Bjs,
Natália

Gabriela Frazao wrote:

Olá,
Por mero acaso, tive que ir à Segurança Social no dia em que a lei do aumento foi aprovada, e até o paguei logo.

Mais tarde, chegou-se à conclusão que só entrava em vigor em Outubro ... e ainda aguardo que me devolvam o que paguei a mais.

Na altura falei com um jornalista de um jornal de grande expansão e saiu um reportagem sobre o assunto.

A lei afecta os tradutores e todos aqueles que passam os chamados recibos verdes (que até são brancos, por sinal) - os trabalhadores independentes.

Como é evidente todos temos que descontar, mas a única omissão que encontro na lei é não contemplar casos de doença, falta de trabalho, ausências temporárias, etc.

Na altura coloquei estas dúvidas à funcionária da S.Social que me atendeu e resposta foi: "paga na mesma".

Será talvez face à injustiça (entre outras coisas) que a lei comete, que se possa fazer alguma coisa.

Como já recorri a uma linha azul de Segurança Social e funcionou na maravilha, sugiro que alguém contacte (eu neste momento estou a abarratoar) e tente indagar porque pode ser que entretanto alguma coisa tenha mudado.

Um abraço
Gabriela




Direct link Reply with quote
 
Carla Araújo  Identity Verified
Portugal
Local time: 13:02
English to Portuguese
+ ...
Taxa Mar 24, 2006

Natália,

O problema aqui não é a taxa. Antigamente o valor mínimo correspondia a um salário mínimo e agora é igual a 1,5 salário mínimo.
Tenho ideia que pus um link para o Diário da República num tópico anterior. Vou ver se encontro.

Fica aqui o link:
https://www.dre.pt/pdfgratis/2005/07/140A00.PDF#page=2

[Edited at 2006-03-24 18:14]


Direct link Reply with quote
 
xxxncfialho  Identity Verified
Local time: 13:02
German to Portuguese
+ ...
TOPIC STARTER
Ai que bom.... Mar 24, 2006

..isto só quer dizer que em Portugal ninguém ganha apenas o SMN mas sim no mínimo 1,5 SMN´s......ai que fico muito contente....
Natália
P.S. Então tb hei-de receber a licença de maternidade a base de 1,5 SMN?


Carla Araújo wrote:

Natália,

O problema aqui não é a taxa. Antigamente o valor mínimo correspondia a um salário mínimo e agora é igual a 1,5 salário mínimo.
Tenho ideia que pus um link para o Diário da República num tópico anterior. Vou ver se encontro.


Direct link Reply with quote
 

Ivana de Sousa Santos  Identity Verified
Portugal
Local time: 13:02
French to Portuguese
+ ...
Licença de maternidade Mar 24, 2006

Natália,

Não se iluda...

Recebi a licença de maternidade por o meu filho ter nascido em Novembro (já esta lei do aumento estava em vigor e já eu pagara o mês de Outubro e os primeiros 5 de Novembro - ele nasceu a dia 6 - a 142,76€) e o que reebi foi 4X o ordenado mínimo....

Vêm logo quase 1500€ correspondentes aos 4 meses de licença, mas é só isso que dão.


Direct link Reply with quote
 
xxxncfialho  Identity Verified
Local time: 13:02
German to Portuguese
+ ...
TOPIC STARTER
Licença Maternidade Mar 24, 2006

Na pagina da seg. social está escrito:
Montante

- 100% da remuneração de referência;



e eu estando inscrita no 1º escalão tenho uma remuneração de referência de 578€...na 2ª-feira ligo para lá e dou noticias.....



Natália



Ivana de Sousa Santos wrote:

Natália,

Não se iluda...

Recebi a licença de maternidade por o meu filho ter nascido em Novembro (já esta lei do aumento estava em vigor e já eu pagara o mês de Outubro e os primeiros 5 de Novembro - ele nasceu a dia 6 - a 142,76€) e o que reebi foi 4X o ordenado mínimo....

Vêm logo quase 1500€ correspondentes aos 4 meses de licença, mas é só isso que dão.


Direct link Reply with quote
 

Sandrinha  Identity Verified

Local time: 13:02
French to Portuguese
+ ...
Também ando indignada Mar 25, 2006

Olà Natália e colegas,

Também ando indignada e não é pouco com a Segurança Social porque também tive a minha carga de problemas com eles... e continuo.

Estou indignada com a falta de informação, com o atendimento de certos/as funcionários/as e agora com uma linda lista pormenorizada da dívida que «acumulei» junto da S.S. por não pagamento das contribuições do ano de 2001. Porque não paguei? Simplesmente porque não estava a facturar o suficiente. Na altura, e porque andava preocupada, fui à Loja do Cidadão pedir informação nomeadamente sobre o que devia fazer dado que não podia pagar as contribuições. Foi-me dito que consoante os valores apresentados na declaração de IRS, e porque estes eram poucos, não pagaria contribuições. E toca a andar! Nada de preencher impressos ou coisas do género! Claro que fiquei aliviada e claro que não me preocupei mais com essa situação.

No ano passado, qual o meu espanto ao receber uma carta onde a S.S. me pedia para solver a minha dívida o mais rápido possível (não me comunicaram valores nem nada , a carta apenas dizia isso). Como estava de férias no Norte, enviei uma carta registada com aviso de recepção (sempre guardar provas do que enviamos e pedimos) na qual pedia que me explicassem essa situação (também juntei uma fotocópia da declaração de IRS daquela época). Nunca me responderam. Voltei para Lisboa, e fui nada mais do que 3 vezes à S.S., em Setembro, Outubro e Novembro. Fiz pedidos para apurar a situação e NUNCA me responderam, limitaram-se a dizer-me para enviar cartas pedindo esclarecimento da situação em causa. Em Janeiro, já bastante preocupada com a situação, voltei à S.S., pedindo para falar com a responsável do meu processo, a qual obviamente não me podia atender porque não atende pessoas apenas trata dos processos das ditas «pessoas». Preenchi uma carta bastante explícita e bastante ressabiada. Passado um mês, recebi uma carta discriminada com todas as contribuições + juros por pagar.

Hoje, em dia essa situação ainda está por resolver. Tenho uma dívida de 1517,02 € (1057,29 € de conteibuições + 459,73 € só de juros) que não pára de aumentar com o tempo.

Confesso que não sei o que fazer. Só sei é que na época não fui devidamente informada pelos próprios serviços, pois bastava preencher um impresso de redução ou isenção de contribuições. Mas o que fazer? Parece que é a minha palavra contra a deles! Uma pessoa não informada não pode errar e nem o facto de ter vivido no estrangeiro e por isso desconhecer o sistema português seja compreensível.

Enfim Natália, depois dessa história toda, posso te garantir que estou disposta a me juntar a ti caso queiras avançar com qualquer tipo de acção.

Um abraço e força!
Sandrine


Direct link Reply with quote
 
Pages in topic:   [1 2] >


To report site rules violations or get help, contact a site moderator:


You can also contact site staff by submitting a support request »

Deixar de pagar a segurança social

Advanced search






PerfectIt consistency checker
Faster Checking, Greater Accuracy

PerfectIt helps deliver error-free documents. It improves consistency, ensures quality and helps to enforce style guides. It’s a powerful tool for pro users, and comes with the assurance of a 30-day money back guarantee.

More info »
Protemos translation business management system
Create your account in minutes, and start working! 3-month trial for agencies, and free for freelancers!

The system lets you keep client/vendor database, with contacts and rates, manage projects and assign jobs to vendors, issue invoices, track payments, store and manage project files, generate business reports on turnover profit per client/manager etc.

More info »



Forums
  • All of ProZ.com
  • Term search
  • Jobs
  • Forums