RPA versus N.F. no Brasil....
Thread poster: Marco Cosentino

Marco Cosentino
Local time: 23:56
English to Portuguese
+ ...
Mar 15, 2011

Tenho trabalhado até o momento com RPA... mas algumas empresas estão começãndo a pressionar-me para que comece a emitir uma N.F. Minha pergunta é ao colegas tradutores, vocês já fizeram esta mudança de RPA para abertura de empresa e emissão de N.F.?

Direct link Reply with quote
 

imatahan  Identity Verified
Brazil
Local time: 23:56
English to Portuguese
+ ...
Marco Mar 16, 2011

Ainda não. E nem pretendo. Todas a empresas que inicialmente me fizeram alguma proposta de trabalho com base em notas fiscais sempre ofereceram a alternativa dos RPAs, até porque são trabalhos esporádicos, um ou dois ao ano.

Para você que é jovem, acho que vale a pena abrir a sua empresa individual, sim. Tem várias vantagens fiscais trabalhar dessa forma. Procure a orientação do SEBRAE.

Boa sorte.


Direct link Reply with quote
 

Paul Dixon  Identity Verified
Brazil
Local time: 23:56
Portuguese to English
+ ...
RPA May 5, 2011

Infelizmente os clientes tendem a exigir abertura de empresa, mas ainda prefiro o uso de RPA. Com empresa aberta, a carga tributária é violentíssima, e ainda tem contribuição sindical e confederativa, INSS, PIS etc, fora os honorários de contador. Com RPA o sistema é bem mais simples, declara-se a renda de pessoa física e paga-se o IR.
Outro problema é a burocracia se mudar de localidade e/ou mudar o nome da empresa, com mais taxas, impostos e honorários de contador.
Melhor mesmo seria sair do Brasil para um país com menos tributos.


Direct link Reply with quote
 

José Henrique Lamensdorf  Identity Verified
Brazil
Local time: 23:56
English to Portuguese
+ ...
RPA May 5, 2011

Paul Dixon wrote:
Infelizmente os clientes tendem a exigir abertura de empresa...


É apenas o seguinte... com o RPA, eles são obrigados a recolher 20% do valor bruto do serviço, adicionando os autônomos do mês à GPS da filha de pagamento. Sim, cada empresa paga 20% de sua folha de pagamento ao INSS a título de "Contribuição Patronal". Este é o verdadeiro e grande "custo Brasil", talvez a maior parte do nosso desemprego. De cada 5 reais que se paga a um empregado com carteira assinada (ou a um autônomo), isso custa mais 1 real ao empregador, para a Previdência.

Se o autônomo montar uma empresa ou, como a Receita Federal já chamou, virar pessoa física travestida de pessoa jurídica, seu cliente escapa de ter de recolher os famigerados 20%.

Não há como eliminar isso. Se isentassem os clientes de autônomos dessa contribuição, no dia seguinte todas as empresas no Brasil demitiriam todos os seus funcionários, recontratando-os como autônomos, passando a economizar 20% do valor total de sua folha de pagamento.

Tentei descobrir "com quem sabe" para onde vai essa dinheirama, pois segundo a imprensa, a nossa Previdência vive eternamente quebrada. Pelos sorrisos amarelos que obtive como resposta, posso presumir que serve para custear fraudes, aposentadorias milionárias de políticos, juizes e outros, e ineficiências gerais no sistema.

Tentei descobrir na Internet de onde veio essa contribuição patronal. É coisa bem antiga, não achei quase nada. Do pouco que pude ler - e posso estar redondamente enganado, me corrija quem puder - parece que isso surgiu como um meio de custear assistência médica e aposentadoria precoce para trabalhadores agrícolas nos tempos em que os defensivos eram altamente nocivos à saúde e ninguém usava EPIs.

Agora tenham a santa paciência! Trabalhei diariamente engravatado durante os meus primeiros 15 anos de contribuição ao INSS. Nunca vi um defensivo agrícola pela frente, só rótulos e MSDS para traduzir. Hoje em dia há uma preocupação dupla, tanto de tornar esses defensivos seguros, como de exigir o uso de EPIs em quem os manuseia.

O pior é que isso não tem solução.


Direct link Reply with quote
 

Christina Paiva  Identity Verified
Brazil
Local time: 23:56
Portuguese to English
+ ...
Empresa individual versus Ltda May 6, 2011

Oi Marco

Já tive uma empresa individual... Com o tempo fiquei irritada com algumas coisas:

1. impostos - vem a conta gotas a partir do dia 20 de cada mês
2. algumas empresas criam dificuldades quanto à NF de EPP
3. O nome da empresa é o seu nome (eu tinha que declinar todos os meus 5 nomes para fazer compras com o cartão da empresa!!!)

A gota d'agua: Fiz um trabalho para uma ONG - e fui informada que para receber deveria apresentar todas as informações fiscais entre outras da minha empresa...

Então:

Abri uma Empresa Ltda. com minha filha jornalista como sócia
Os impostos ainda vêm em conta-gotas. As Ltdas tem certificação digital, e os clientes podem consultar on-line. Aqui no interior, acho que por ser uma cidade pequena, ainda não temos NF digital, o que facilitaria muito.

vantagens:
- Trabalhos para grandes empresas
- Trabalhos para departamentos do governo (é preciso cadastrar)
- No meu caso: um nome fantasia
- minha empresa foi registrada na área de comunicação: outros tipos de trabalho podem ser explorados desde que façam parte do escopo da área.

O valor em impostos e outras despesas não é tão diferente.

@ José

Acho que você também teria direito a indenização por exposição a pesticidas... Se você come verduras, frutas etc... mesmo bem lavadas...

Moro em um sítio há mais de 20 anos. Região de pequenos agricultores. Vi nosso vizinho identificar pesticida pelo cheiro (frasco sem rótulo)! Anos mais tarde, perdeu a visão.. Uma família que arrendava as terras do nosso sítio teve de parar por problemas de saúde (tenho certeza que foi exposição a inseticidas) . Com a nova regulamentação melhorou muito.

Mas na minha horta orgânica - só é possível colher brocoli uma vez - depois disto - vira 'repasto' de pulgão de qualquer modo, é o melhor brocoli do mundo (sem pulgão, claro)

Quanto aos impostos, se estes fossem bem aplicados em saúde, educação e outras áreas de responsabilidade do governo, eu não teria do que reclamar ....


Direct link Reply with quote
 

Paula Borges  Identity Verified
Brazil
Local time: 23:56
Member (2010)
English to Portuguese
+ ...
NF Aug 24, 2011

Meus clientes só aceitam NF... Felizmente, já tinha uma empresa aberta desde que comecei a prestar serviços mas os impostos e valores pagos ao contador (além das complicações por conta dos contadores) nunca param de me supreender...

Direct link Reply with quote
 

Ana Reyes  Identity Verified
Puerto Rico
Local time: 22:56
Member (2005)
English to Spanish
+ ...
Meaning of NF and RPA Oct 3, 2013

An agency from Brasil is looking for translators, but only those able to issue and NF of RPA will be considered. Since I am not from Brasil, would you please advise what is the meaning? Thanks!

Direct link Reply with quote
 

José Henrique Lamensdorf  Identity Verified
Brazil
Local time: 23:56
English to Portuguese
+ ...
You won't issue either Oct 3, 2013

Ana Reyes wrote:

An agency from Brasil is looking for translators, but only those able to issue and NF of RPA will be considered. Since I am not from Brasil, would you please advise what is the meaning? Thanks!


Ana, as you are outside Brazil, you'll be issuing an international invoice.

RPA is a "Recibo de Pagamento a Autônomo", used to pay a legally established freelancer.

The problem here is that, FYI, every company must pay 20% on its entire payroll (viz. employees) as Corporate Dues to Social Security. Whenever they hire a freelancer and get an RPA, they must include that freelancer and the amount paid to them in the roster for such payment on that month.

There is no way back from such bad decision our government made many decades ago. If they ever relieved companies from paying these 20% on top of freelancers' compensation, on the very next day, ALL companies throughout Brazil would immediately discharge ALL their employees, hiring them back as freelancers. They would save 20% on payroll costs, and Social Security would go broke.

However if the freelancer is "cross-dressed as a company", like our Federal Revenue called it, the company issues a Nota Fiscal (NF), and the client does not have to pay those 20%, which is what this client of yours wants.

The entire thing is a circus. I have been established as a freelancer in Brazil since 1973. If I had "cross-dressed myself as a company", I'd have to raise my prices by something between 27% and 32%, depending on the service. Yet some clients are dumb enough not to realize it.

Some politicians are now trying to change it, with some partial success so far.

Don't worry, being outside Brazil, this shouldn't bother you.

[Edited at 2013-10-03 14:48 GMT]


Direct link Reply with quote
 


To report site rules violations or get help, contact a site moderator:


You can also contact site staff by submitting a support request »

RPA versus N.F. no Brasil....

Advanced search






PDF Translation - the Easy Way
TransPDF converts your PDFs to XLIFF ready for professional translation.

TransPDF converts your PDFs to XLIFF ready for professional translation. It also puts your translations back into the PDF to make new PDFs. Quicker and more accurate than hand-editing PDF. Includes free use of Infix PDF Editor with your translated PDFs.

More info »
Déjà Vu X3
Try it, Love it

Find out why Déjà Vu is today the most flexible, customizable and user-friendly tool on the market. See the brand new features in action: *Completely redesigned user interface *Live Preview *Inline spell checking *Inline

More info »



Forums
  • All of ProZ.com
  • Term search
  • Jobs
  • Forums
  • Multiple search