Off topic: Livro apresenta "lemon", mas não diferencia limões.
Thread poster: Sormane Fitzgerald Gomes

Sormane Fitzgerald Gomes  Identity Verified
United States
Local time: 03:51
Member (2004)
Portuguese to English
+ ...
Jul 12, 2004

Achei este artigo bem interessante. Pois já me vi nesta situação quando traduzo comida ou receitas.

Livro apresenta "lemon", mas não diferencia limões

COLUNISTA DA FOLHA

Quantas vezes cozinheiros amadores e profissionais, no Brasil, já não se deram mal ao realizar receitas retiradas de livros traduzidos dos Estados Unidos ou da Europa, quando um dos ingredientes básicos era o limão?
Quantas vezes a torta ou o molho salgado não ficaram ácidos demais, ou até mesmo com uma doçura indesejada, além de fragrâncias que decepcionaram àqueles que, no exterior, experimentaram o prato em questão?
Isso vem acontecendo com freqüência no Brasil, por um problema de tradução ou, em uma análise mais dura, por um enorme desconhecimento dos ingredientes utilizados nas receitas.
Quando em inglês se determina o uso do ingrediente "lemon", o tradutor apressado coloca ali: limão. Acontece que o limão que conhecemos por aqui, verdinho (e em duas variedades mais conhecidas, o taiti e o já rarefeito galego ), é chamado, em inglês, "lime" (nome científico, Citrus aurantifolia ). E quando as receitas recomendam o uso do "lemon", estão se referindo a outro ingrediente, que só agora começa a ser mais conhecido no Brasil: o limão-siciliano (Citrus limon ), fruto mais robusto, cuja casca amarela o diferencia imediatamente do nosso verdinho produto nacional.

Limão em livro
O limão-siciliano começou a aparecer nas prateleiras dos brasileiros primeiro como produto importado. Agora já é produzido no Brasil e vai se tornando mais acessível. Um novo lançamento editorial vai ajudar o público que tem interesse em adentrar esse universo recém-aberto: o livro "Limão Siciliano: História, Uso, Receitas", de Charlô Whately e Stella Espírito Santo (editora Códex, 104 páginas, R$ 50 ).
Os autores têm ótimas referências para falar do assunto. Charlô é um gabaritado banqueteiro e restaurateur, com incontáveis andanças por terras européias e norte-americanas, nas quais o limão é amarelo. Stella, além de festeira, é a pioneira na produção dessa variedade, no interior de São Paulo -não à toa, promoveu a confecção do livro, já que diretamente interessada em sua disseminação.
Mas, apesar desse background da dupla de autores, o livro ilumina somente o caminho de quem quer cozinhar, nem tanto de quem quer conhecer o produto. Por exemplo, toda a informação contida nos primeiros parágrafos deste artigo inexiste no livro.
Apesar de textos explicativos, a obra ignora por completo qualquer informação, para o leitor, sobre a existência de diferentes tipos de limão e sobre as diferenças tanto históricas quanto organolépticas -entre os vários tipos.
Pelo contrário, o texto introdutório refere-se sempre ao "limão", nome genérico, como uma coisa só. Ou mais adiante, lista qualidades do limão-siciliano que valem para qualquer limão. Ou seja, ao ignorar o assunto, o livro ajuda a perpetuar a eterna confusão entre limão e limão-siciliano.
Por outro lado, quando colocam a mão na massa, ao longo de 56 receitas, os autores vão desde a limonada até pratos delicados e caros como os cappellini ao caviar. O livro é menos para quem quer ler, e bem mais para quem quer cozinhar, mesmo que sem pensar muito. (JOSIMAR MELO )

São Paulo, quinta-feira, 24 de junho de 2004
Folha de São Paulo
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq2406200412.htm


Sormane


Direct link Reply with quote
 


To report site rules violations or get help, contact a site moderator:


You can also contact site staff by submitting a support request »

Livro apresenta "lemon", mas não diferencia limões.

Advanced search






WordFinder
The words you want Anywhere, Anytime

WordFinder is the market's fastest and easiest way of finding the right word, term, translation or synonym in one or more dictionaries. In our assortment you can choose among more than 120 dictionaries in 15 languages from leading publishers.

More info »
SDL Trados Studio 2017 Freelance
The leading translation software used by over 250,000 translators.

SDL Trados Studio 2017 helps translators increase translation productivity whilst ensuring quality. Combining translation memory, terminology management and machine translation in one simple and easy-to-use environment.

More info »



Forums
  • All of ProZ.com
  • Term search
  • Jobs
  • Forums
  • Multiple search